The 10 Year Plan (2014) | Resenha | Blog #tas



Capa - Resenha | The 10 Year Plan (2014) | Blog #tas

The 10 Year Plan um filme aparentemente despretensioso, mas com uma bela mensagem.




The 10 Year Plan (O plano da década) é uma comédia romântica que trata a homoafetividade sem estereótipos. Nele o relacionamento na era dos aplicativos de encontros é abordado de uma forma bem humorada.

O filme

Myles (Jack Turner) e Brody (Michael Adam Hamilton) são grandes amigos e de personalidades totalmente opostas - e bote opostas nisso. Myles é um romântico sonhador, em busca de um companheiro para a vida toda. Seu maior medo é de envelhecer sozinho - o que torna sua busca um tormento, ao invés de algo prazeroso. Já Brody é o garanhão que não dispensa ninguém, o aplicativo Grindr é a sua ferramenta indispensável para seus encontrinhos casuais.

(Michael Adam Hamilton e Jack turner)

O filme começa no momento em que Myles leva um fora de um rapaz que estava conhecendo em um restaurante, e para não perder a noite, ele liga para Brody para jantarem juntos. Seu amigo inseparável chega ao restaurante e começam a conversar sobre ocorrido. Então os dois resolvem fazer um pacto: se dentro de dez anos ainda estivessem solteiros, os dois ficariam juntos.

Um pacto meio estranho, mas quem somos nós para julgar, não é mesmo?

Nove anos se passaram e faltando poucos dias para completar dez anos. E vamos descobrir como estão os nossos dois heróis.

Myles se tornou um advogado de sucesso, porém sem sorte no amor. O seu jeito muito amoroso assusta seus pretendentes. Ele age como se estivesse casado com alguém que conheceu em trinta dias. Já Brody se tornou um policial e continua com seu jeito garanhão, mas sempre atento ao insucesso amoroso de seu amigo - tenho que admitir que essa sua demonstração de consideração é admirável.

(Morokai Kanekoa e Michael Adam)

Então somos apresentadoa a dois personagens de grande importância na trama: Diane (Teri Reves), a confidente de Myles - ambos se divertem compartilhando seus fracassos na busca do homem de suas vidas. E Richard (Moronai Kanekoa), o amigo hétero de Brody - os dois trocam suas experiências de seus encontros e acabam sendo o conselheiro um do outro.

Os dois amigos lembram do pacto e estão preocupados. Ambos não querem concretizá-lo, principalmente Myles. 

Na tentativa de desencalhar seu amigo idealizador, Brody inicia um trabalho de conscientização de como viver as oportunidades que a vida lhe oferece. 

Myles é apresentado ao Grindr e começa sua odisseia na busca de seu companheiro ideal. O plano dá certo, mas Brody não contava que se arrependeria de tal escolha. Agora é correr atrás do prejuízo, antes que seja tarde demais.


Assista o trailer:


Apesar do clichê de amizades que viram amor, o filme é bem atrativo. As frases de Brody, na tentativa de desmistificar os preconceitos de Myles, são muito bem construídas - além de humoradas. Confira algumas delas:

Você precisa de menos romance e mais sexo 
Homens são animais visuais
Gogo Boys são apenas provocações para estimular a nossa adrenalina e aumentar a testosterona.
(Michael Adam Hamilton e Jack Turner)

Apesar de ser uma comédia romântica, o tema amizade é muito bem trabalhado na história. É perceptível a ênfase dada à consideração que o quarteto têm um pelo outro. Além de garantir boas risadas, o filme deixa claro que uma amizade sadia é aquela baseada no amor ao próximo.

Se ainda não assistiu, assista “The 10 years Plan”. E deixe seu comentário me contando o que achou da história e do pacto de Myles e Brody. Será que você faria o mesmo? 


Ficha Técnica:
Original: The 10 Years Plan
Direção: JC Calciano
Elenco: Michael Adam Hamilton, Jack Turner, e outros.
País: EUA
Ano: 2014

O filme ganhou:
3 de 5 medalhas #tas
(3/5 medalhas #tas)


Se você gostou deste artigo, compartilhe nas redes sociais e aumente o debate sobre "The 10 Years Plan".

Até o próximo post.

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Realmente é uma história envolvente Augusto Queiroz, apesar de ser uma comédia romântica. Achei muito interessante a proposta do filme :)

      Excluir

Tecnologia do Blogger.