O Sequestro (Kidnap, 2017) | Review | Blog #tas

 O Sequestro (kidnap, 2017) | Review | Blog #tas


Halle Berry está de volta. Desta vez na pele de uma mãe sem limites, para recuperar o filho sequestrado. Descubra o que esperar de O Sequestro?




O Sequestro (Kidnap, 2017) é um filme que podemos dizer que “é a cara de Halle Berry”. E se você já assistiu Na Companhia do Medo (Gothika, 2003) e Chamada de Emergência (The Call, 2013), entende o que estou dizendo. Além de serem do gênero suspense, as personagens são bastante semelhantes, ao ponto de você ter a sensação de que o três são uma trilogia. Porém isso é um assunto para outro post - né verdade?

Karla e Frankie fugindo | O Sequestro | Blog #tas



Bem chega de delongas e vamos a nossa review.


O filme contará a história de Karla (Halle Berry), uma mãe divorciada que trabalha como garçonete, e que está ameaçada de perder a guarda de seu filho Frankie (Sage Correa), de seis anos. O plano do dia era desfrutarem de bons momentos em um parque de diversões, mas o que ninguém podia imaginar era que seu filho seria levado por dois estranhos. Dando início a uma caçada recheada de adrenalina, para recuperar seu filho - nem que para isso custe sua vida.

Karla vendo Frankie sendo levado | O Sequestro | Blog #tas



Esta é uma daquelas histórias cheia de elementos previsíveis, porém envolventes. O prólogo com as imagens de Frankie desde seu nascimento, foi a estratégia malandramente proposital para o público criar um vínculo com os personagens, e entrar na atmosfera proposta. É um ponto positivo quando consegue esse efeito, porque todos ficam sedentos por justiça a qualquer custo.


Outro ponto positivo do filme, é a figura dos sequestradores vividos por Lew Temple e Chris McGinn. Aqui não tivemos uma interpretação aprofundada, nem carregada de caras e bocas, porém ambos transmitiram aquela sinistra tranquilidade perigosa - despertando dúvidas se eles são psicopatas, canibais, ou traficantes de órgãos, ou que for. Só sei dizer que senti um tremendo frio na espinha.


Sequestradora e Karla  | O Sequestro | Blog #tas



Nem preciso dizer que nem tudo são flores aqui né? Assim como tivemos uma trama interessante, também tivemos alguns deslizes - inclusive na postura de Karla. A mudança de seu perfil ocorre de forma tão brusca, que em questões de segundos a figura fragilizada tornava-se uma justiceira sem limites - WTF!?


Vale mencionar que em algumas cenas de adrenalina, são quebrados com monólogos desesperadores de Karla, que não correspondiam com o momento que a personagem se encontrava - o que seria diferente, caso apresentasse um monólogo com suas estratégias de perseguição aos sequestradores.

Acidente na Estrada  | O Sequestro | Blog #tas


O Sequestro é um daqueles filmes que serve mais para envolvê-lo na dinâmica da perseguição, bem estilo Fast and Furious, do que algo mais aprofundado. Apresenta uma história bem fechada, te entregá um desfecho esperado e cumpre com seu papel - entreter. Então se você está procurando um filme para um despretenciosa rolê, e gosta da atuação de Halle Berry, ele foi feito para você. Eu particularmente gostei :D

Cartaz  | O Sequestro | Blog #tas

Ficha Técnica:
Título Original: Kidnap
Direção: Luis Prieto
Elenco: Halle Berry, Sage Correa, Lew Tample, Chris McGinn
País: EUA
Ano: 2017

O Filme Levou:
(3/5 medalhas #tas)

Deixe seu comentário e conte como foi sua experiência ao assistir O Sequestro.

Se você gostou deste artigo, compartilhe com seus parentes e amigos que gostam deste estilo de história e são fãs de Halle Berry.

Até o próximo post ;)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.